Soubesse eu conjugar as palavras por forma a que cada letra reflectisse um tom que conjugados tomassem formas e cores em tela e pudesse assim alto e bom som dizer o sentimento que pela minha Terra tenho. Ai se eu soubesse. Ai assim pudesse.
Sexta-feira, 19 de Junho de 2009
Uma aldeia na cidade

Foto: Christian Auscher

O pátio onde todos se conhecem, com o seu estabelecimento ao ar livre. O banco corrido onde aparentemente já está outro freguês, na «sala» de espera.
A porta da casa está aberta, «sem medos», e ao fundo as duas vizinhas a pôr a conversa em dia.
Outro pormenor delicioso é o cabide onde é possível pendurar o casaco.



estupefactado por NunoCosmeMoreira às 00:55
link do post | comentar | favorito

 
arquivos
tags

actualidade(54)

bandabvcolares(19)

benfica(46)

colares(86)

cultura(40)

curiosidades(37)

desporto(31)

economia(5)

efeméride(5)

estóriasdecolares(1)

filosofia(2)

história(12)

História(1)

imagem antiga(22)

keil(3)

lamechas(1)

literatura(1)

mãoamiga(3)

marketing(23)

memorias(20)

memórias(17)

Memórias(13)

negócios(10)

Negócios(2)

parabens(13)

pensar(8)

phrase(1)

piadinha(30)

politica(139)

porto(8)

Português(2)

praia das maçãs(8)

Praia das Maçãs(2)

precário(6)

quebra-tolas(2)

quem nos salva?(31)

rir(3)

sonhar(16)

sporting(16)

útil(10)

video(70)

youtube(64)

todas as tags